Páginas

Vips´

24/09/2014

Nigéria anuncia que líder do grupo islamita Boko Haram está morto

 24/09/2014 16h49

Porta-voz não dá detalhes sobre morte de Abubakar Shekau.
Grupo armado islâmico pretende estabelecer um califado na Nigéria.

Da AFP
Imagem tirada de vídeo divulgado pelo Boko Haram e obtido pela AFP mostra homem que se diz ser Abubakar Shekau, líder do grupo radical islâmico Boko Haram (Foto: AFP PHOTO / BOKO HARAM)Imagem tirada de vídeo divulgado pelo Boko Haram
e obtida pela AFP mostra homem que diz ser
Abubakar Shekau, líder do grupo radical islâmico
Boko Haram (Foto: AFP PHOTO / BOKO HARAM)
O exército da Nigéria afirmou nesta quarta-feira (24) que o líder do grupo armado islâmico Boko Haram, Abubakar Shekau, está morto, sem esclarecer onde, como ou quando morreu.
Fontes das forças de segurança já haviam anunciado a morte de Shekau em duas oportunidades desde 2009, mas é a primeira vez que exército afirma isso oficialmente.

O Boko Haram combate pela criação de um califado no noroeste da Nigéria. Em abril, o grupo sequestrou mais de 200 meninas em uma escola de uma vila remota de Chibok. As estudantes estavam fazendo uma prova quando homens armados cercaram a escola, as colocaram em caminhões e as levaram. Algumas delas conseguiram escapar. O episódio gerou uma campanha internacional pelo resgate das meninas.
O porta-voz militar Chris Olukolade não deu detalhes sobre a morte de Shekau, indicando que seu nome virou uma "marca do líder terrorista".

Os militares também afirmaram recentemente que haviam matado outro chefe islamita que se fazia passar por Shekau.
Olukolade anunciou a morte de um combatente islamita chamado Mohamed Bashir durante combates na cidade de Kondunga, no estado nigeriano de Borno (nordeste).
"Bashir tem atuado ou aparecido em vídeos como se fosse o falecido Abubakar Shekau, o excêntrico personagem conhecido como líder do grupo Boko Haram", acrescentou.
O Boko Haram (que significa "A educação ocidental é pecado", em língua hausa) combate pela criação de um Estado islâmico. O grupo pretende estabelecer um califado no noroeste da Nigéria.
A insurreição do Boko Haram e sua feroz repressão pelas forças de segurança nigerianas deixaram 10 mil mortos desde 2009, segundo as autoridades da Nigéria, assim como mais de 650 mil deselocados, segundo a ONU.
Imagem tirada de vídeo divulgado pelo Boko Haram e obtido pela AFP mostra homem que se diz ser Abubakar Shekau, líder do grupo radical islâmico Boko Haram (Foto:  AFP PHOTO / BOKO HARAM )Imagem obtida pela AFP mostra homem que diz ser Abubakar Shekau, líder do grupo radical islâmico Boko Haram (Foto: AFP PHOTO / BOKO HARAM )

Hollande confirma que refém francês foi decapitado na Argélia

 24/09/2014 16h06

Hervé Gourdel foi sequestrado no domingo em em um parque na Argélia.
Grupo 'Soldados do Califado' tem ligação com o Estado Islâmico.

Do G1, em São Paulo
O presidente da França, François Hollande, confirmou nesta quarta-feira (24) a morte do cidadão francês Hervé Gourdel, sequestrado no domingo na Argélia por um grupo vinculado ao jihadista Estado Islâmico (EI).
Gourdel, um turista da cidade francesa de Nice, foi decapitado pelos radicais do "Soldados do Califado", pequeno grupo ligado ao radical Estado Islâmico. Na segunda-feira (22), o grupo publicou um vídeo reivindicando a responsabilidade pelo sequestro do francês. Ele é o quarto caso de refém decapitado por extremistas. Dois jornalistas norte-americanos e um agente comunitário britânico foram mortos pelo Estado Islâmico e tiveram os vídeos da execução divulgados.

"Nosso compatriota foi assassinado", afirmou Hollande para jornalistas em Nova York, onde se encontra para participar da Assembleia Geral das Nações Unidas. Gourdel "foi assassinado vil e cruelmente", acrescentou.

O presidente disse que a França continuará a realizar ataques aéreos contras alvos do EI no Iraque. Em seu discurso na Assembleia Geral, disse que “a França vive uma prova com o assassinato de um de nossos compatriotas, mas a França não cede jamais ante a chantagem”. Hollande ainda disse que “a luta contra o terrorismo deve ser mantida e ampliada”.
Foto sem data do francês Herve Gourdel, que foi sequestrado e decapitado na Argélia (Foto: AFP)Foto sem data do francês Herve Gourdel, que foi
sequestrado e decapitado na Argélia (Foto: AFP)
Mais cedo, os militantes argelinos que sequestraram o francês alegaram em um vídeo que mataram o refém, após terem pedido que a França interrompesse suas ações na ofensiva contra militantes islâmicos no Iraque. As informações são da agência de notícias Reuters, citando o serviço de monitoramento SITE, em sua conta do Twitter.
Ameaça
O grupo havia ameaçado na segunda-feira matar Hervé Gourdel, um guia de montanha de 55 anos, caso a França continuasse com seus ataques aéreos no Iraque, um ultimato rejeitado na terça-feira e novamente nesta quarta pelo presidente François Hollande.
O vídeo postado pelo grupo em sites jihadistas começa com imagens de Hollande na coletiva de imprensa durante a qual anunciou a participação da França nos ataques contra o EI no Iraque.
Em seguida, mostra o refém, de joelhos e com as mãos atadas atrás das costas, cercado por quatro homens armados e com os rostos cobertos.
Um dos homens lê uma mensagem em que denuncia a intervenção dos "cruzados criminosos franceses" contra os muçulmanos na Argélia, no Mali e no Iraque.
A Argélia mobilizou nos últimos dois dias cerca de 1.500 soldados na Cabília (nordeste) para tentar encontrar Herve Gourdel.
O montanhista foi sequestrado em Tizi N'kouilal, numa encruzilhada no coração do parque nacional Djurdjuran, antigamente muito frequentado por turistas mas que se tornou santuário de grupos islâmicos armados a partir da década de 1990.
Vídeo mostra refém dominado por militantes armados e encapuzados (Foto: Ho/Jund Al Khaliva/YouTube/AFP)Vídeo mostra refém dominado por militantes armados e encapuzados (Foto: Ho/Jund Al Khaliva/YouTube/AFP)
Outros decapitados
A encenação de sua decapitação se assemelha ao assassinato dos dois jornalistas americanos sequestrados na Síria, James Foley e Steven Sotloff, e do ativista humanitário britânico David Haines por membros do EI nas últimas semanas.
O vídeo da decapitação de Haines mostra um homem encapuzado no deserto junto ao refém. Momentos antes da sua morte, Haines lê um texto em que atribui a responsabilidade por sua execução ao primeiro-ministro britânico David Cameron.
O vídeo é semelhante às decapitações de dois jornalistas norte-americanos, James Foley e Steven Sotloff, executados pelo Estado Islâmico e também divulgados pelo grupo em vídeos.
Imagem do vídeo divulgado na internet que mostra a suposta decapitação de Jame Foley (Foto: Reprodução/Archive.org)Imagem do vídeo divulgado na internet que mostra a suposta decapitação de Jame Foley (Foto: Reprodução/Archive.org)
Terrorista do Estado Islâmico faz ameaça dizendo que o homem ao seu lado, identificado como o britânico David Cawthorne Haines, pode ser o próximo a ser decapitado em represália à intervenção militar dos EUA no Iraque (Foto: AFP/SITE Inteligence Group)Terrorista do Estado Islâmico faz ameaça dizendo que o homem ao seu lado, identificado como o britânico David Cawthorne Haines, pode ser o próximo a ser decapitado em represália à intervenção militar dos EUA no Iraque (Foto: AFP/SITE Inteligence Group)
Extremistas divulgam vídeo com execução de outro refém americano - gnews decapitado (Foto: reprodução GloboNews)Extremistas divulgam vídeo com execução de outro refém americano (Foto: Reprodução GloboNews)

23/09/2014

DINO ARRANCA O RABO E APARA O CABELO DO LOBO : MARCOS CALDAS É 65/ ARNALDO MELO SE AFASTA DA CAMPANHA DE EDINHO


A debandada de deputados governistas coincide com o afastamento do Presidente da Assembleia Legislativa, Arnaldo Melo da campanha do governista Edinho Lobão. 

Melo é rancoroso e não gostou de ter sido destratado por Edinho Lobão. Durante o evento na Federação das Indústria(FIEMA), Edinho sequer citou Arnaldo entre os presentes.

Melo percebeu como seria o tratamento Edinho eleito. Daí em diante alguns deputados "arnaldistas"- aqueles que se aconselham com  o "cabeleira"- pularam para o barco de Dino.



O mais recente é Marcos Caldas, o "Play". Caldas foi "governador de fim de semana" por articulação de Arnaldo Melo. O rabo(Marcos Calda)pulou e o "cabeleira"(Arnaldo Melo) articula "pra Dino"?
Fonte: Blog do Cesar Bello

22/09/2014

Hospital de Gov. Nunes Freire no melhor governo de Roseana Sarney



Vergonha maior não pode ter. Pior que isso impossível!!!   O sofá é da sala de recepção do hospital pólo de Gov. Nunes Freire. Os corredores: pura imundície!!!

TERROR NA MADRUGADA: Bandidos tocam fogo em veículos da polícia civil e em vários ônibus da empresa Gonçalves

segunda-feira, 22 de setembro de 2014

 

A onda de violência se espalha por toda a São Luís na madrugada desta segunda-feira(22). O blog recebe relatos de várias ocorrências pela cidade. Policiais e bombeiros estão se desdobrando para atender a essas ocorrências. São as ações mais violentas comandadas por uma facção criminosa no Maranhão.
Veículos pegando fogo na garagem da Polícia Civil
Pelas informações, dois veículos foram incendiados na garagem da Polícia Cívil no bairro Radional. Outros bandidos invadiram a garagem da Empresa Gonçalves, no Vera Cruz, e incendiaram vários ônibus.

Veículos pegando fogo na garagem da Polícia Civil

Neste momento, a polícia militar está com um grande contingente nas ruas para evitar novos ataques e tentar prender os elementos envolvidos nesses atos criminosos.

Pelo whatsapp circulam vários áudios que teriam sido gravados por detentos de Pedrinhas ordenando os ataques.

Segundo uma dessas mensagens, os ataques terão sequência nesta segunda-feira. O clima é tenso nesta madrugada. 
Ônibus são incendiados na Empresa Gonçalves